Março foi escolhido como o mês de prevenção e conscientização sobre o câncer colorretal, que é o terceiro tipo de neoplasia mais frequente tanto em homens quanto em mulheres.

Essa doença séria, que apresenta como primeiros sintomas o sangue nas fezes, episódios de diarreia e prisão de ventre, dor no reto e anemia, está muito associada a maus hábitos de vida.

Pensando em ajudar você a evitar que essa condição se desenvolva, elencamos 5 boas práticas de prevenção. Vamos ver quais são elas?

Como prevenir o câncer colorretal

1. Tenha uma dieta rica em vegetais

Uma alimentação rica em vegetais, como frutas, verduras, legumes e grãos integrais, com baixa ingestão de carne vermelha, embutidos e alimentos processados, está muito associada a um menor risco de desenvolver câncer colorretal.

2. Consuma leite e seus derivados

O cálcio é um mineral indispensável para todo o organismo. Entre suas funções, está a composição dos ossos, a contração dos músculos e também a prevenção do câncer colorretal. Por isso, aumentar o consumo desse elemento é uma boa forma de evitar a doença. O recomendado é ter uma dieta rica em leite e derivados, como queijos e iogurte, que são ricos nesse mineral tão importante para a saúde. Assim, é possível incorporá-lo de forma natural.

3. Aumente sua vitamina D

A vitamina D, obtida pela alimentação, pela exposição ao sol ou por meio da suplementação, também está associada à redução de riscos de ter câncer colorretal. Com o cálcio, essas duas substâncias são ótimas aliadas na prevenção da doença.

Apesar de os raios solares estarem muito associados ao desenvolvimento de câncer de pele e muitos médicos desaconselharem essa prática, tomar sol pode proteger o seu intestino. Por isso, procure se expor — porém, somente nos períodos recomendados, evitando sol entre as 10 e as 16 horas.

4. Faça atividades físicas

Praticar algum exercício regularmente reduz a incidência de pólipos intestinais, que podem evoluir para o câncer colorretal. Uma atividade mais intensa, que exige maior esforço físico, tem ainda mais efeitos positivos.

Isso ocorre muito devido à perda de peso e gordura abdominal, fator que está claramente associado ao desenvolvimento de neoplasias. Por isso, estar dentro da faixa de peso recomendada para a sua estatura é primordial.

Para ajudar nesse processo, seguir uma dieta com baixa ingestão de carboidratos e gorduras, como massas, doces, frituras e fast-food, também é muito importante para prevenir a doença.

5. Consuma alimentos ricos em fibra

Uma dieta rica em fibras, com muitas frutas, verduras e grãos integrais, como a aveia, também reduz o risco de carcinoma colorretal. Portanto, capriche na ingestão desses alimentos!

Um detalhe que você não pode deixar de lado é beber muita água para que as fibras tenham o efeito esperado. Caso contrário, o excesso dessa substância pode causar prisão de ventre, que é um fator de risco para a neoplasia.

O que achou das nossas dicas de como prevenir o câncer colorretal? Fáceis, não é mesmo? Agora, é só segui-las! Além disso, não deixe de fazer um check-up periódico com o gastroenterologista — ele vai pedir um exame chamado colonoscopia para verificar a presença e retirar pólipos que podem se tornar malignos.

Quer saber como cuidar um pouco mais da sua saúde? Leia nosso artigo sobre doença renal crônica e descubra tudo sobre essa patologia!

Escreva um comentário

Share This