Mosquito Aedes Aegypti e transmissão da dengue.

Como acontece a transmissão da dengue? Conheça os mitos!

O alto índice de transmissão da dengue é um problema que assombra a comunidade médica a décadas, principalmente pela dificuldade no combate do vetor Aedes Aegypti, principal hospedeiro para o vírus da dengue e suas variações.

Os quadros de dengue ano a no batem recordes, principalmente no Brasil, somente em 2021 foram registrados 534.743 casos confirmados da doença, demonstrando a necessidade de combater toda e qualquer forma de transmissão da dengue.

Diante desse senário preocupante, desenvolver métodos para combater a transmissão da dengue é a melhor opção, sendo assim, nesse post abordaremos quais são as formas de transmissão da doença e informações imprescindíveis para combater o agente transmissor.

Como a dengue é transmitida?

A transmissão do vírus da dengue ocorre exclusivamente devido à picada do mosquito fêmea Aedes aegypti, no entanto, para de fato ocorrer a contaminação o hospedeiro anteriormente deve ter picado uma pessoa com o vírus presente na corrente sanguínea.

O mosquito continuara a transmitir a doença durante todo o seu ciclo de vida, visto que a fêmea se alimenta de sangue com o propósito de produzir seus ovos, em outras palavras, enquanto o mosquito estiver vivo o vírus continuara a se espalhar pela região.

A dengue não é uma doença contagiosa, isto é, o vírus não pode ser transmitido de pessoa para pessoa, assim como não ocorre contagio diante do consumo de alimentos, água ou por secreções.

Outro possível agente capaz de transmitir a dengue é o Aedes albopictus, mas apesar de estar presente no Brasil, não existe dados estáveis que comprovem sua participação na transmissão.

Fotos vetor transmissor da dengue.
O vírus da dengue é transmitido pela picada do mosquito fêmea Aedes aegypti

A transmissão da dengue é mais comum em países tropicais como o Brasil, visto que estas regiões o ecossistema é favorável ao desenvolvimento dos ovos, como chuvas em abundância e temperatura ideal entre 30º a 32ºc, raramente registrado em temperaturas inferiores a 16ºc.

O agente capaz de transmitir a dengue possui um ciclo de vida no entorno de 45 dias, após infectado leva cerca de 8 a 12 dias a incubação do vírus após esse período o Aedes aegypti começa a transmitir a doença.

Vale ressaltar que o mosquito macho não pica seres humanos, apenas a fêmea com objetivo de reproduzir a espécie, através da manutenção de seus ovos.

Ciclo de vida do agente transmissor

O ciclo comum de transmissão da dengue ocorre do seguinte modo: A fêmea do mosquito deposita os ovos em local com água parada e de preferência quente e úmida.  Após a eclosão dos ovos, as larvas do mosquito se desenvolvem em água por cerca de 7 dias. Após o período como larva, transforma-se em mosquitos adultos, iniciando o ciclo de alimentação e reprodução da espécie que dura em média 45 dias.

O embrião do mosquito leva entorno de 48 horas para se desenvolver. Especialistas apontam o ciclo rápido de reprodução como uma das causas da transmissão em grande escala.

Quais são os horários mais comuns que ocorrem a transmissão da dengue?

A fêmea do mosquito Aedes Aegypti possui hábitos diurnos, portanto, apenas se alimenta durante o dia, em períodos onde a incidência de calor é menor, por volta das 07h e 10h da manhã ou ao entardecer, entre 15h e 18h.

O mosquito não gosta de temperaturas altas, sendo assim, procura abrigo dentro das casas, propiciando o aumento da janela de tempo onde pode se alimentar.

Apesar de os horários citados serem os mais comuns, é preciso manter os cuidados em qualquer período do dia, utilizando repelentes de hora em hora, inseticidas e essenciais de citronela.

Alguns estudos apontam que o mosquito, apesar de ser raro, pode se alimentar durante a noite.

A dengue é transmitida de uma pessoa para a outra?

De acordo a estudos e especialistas, o vírus da dengue em suas variações só é transmitido através da picada do mosquito fêmea Aedes Aegypti.

Sendo assim, caso você tenha amigos, familiares ou colegas de trabalho com a doença, não precisa se preocupar, sendo que é raro que pessoas da mesma família ou ambiente de trabalho contraiam a doença em simultâneo.

Caso aconteça, a explicação provável é que tenha um foco do mosquito na região, permitindo que o mosquito, após picar alguém contaminado, pique varias pessoas do mesmo ambiente.

Qualquer pessoa picada pelo Aedes Aegypti contrairá dengue?

Não! Mesmo que um mosquito infectado com o vírus da dengue pique uma pessoa, alguns cenários são fundamentais para o desenvolvimento da doença e seus sintomas.

Dependendo da quantidade de vírus transmitido, capacidade do vírus, estado e capacidade imunológica do indivíduo e contatos anteriores com o vírus é possível que a doença não consiga se desenvolver, gerar sintomas da dengue e possíveis danos a saúde da pessoa.

É  muito possível que algumas pessoas sejam picadas pelo mosquito Aedes Aegypti, mas não saibam devido à ausência de sintomas e a capacidade do organismo em combater o vírus. Em outros casos pode ocorrer a dengue assintomática, onde ha a contaminação, mas não são apresentados sintomas.

Como prevenir a transmissão do vírus da dengue?

Como citamos anteriormente o mosquito Aedes Aegypti é mais comum em países tropicais, devido ao seu clima propício ao desenvolvimento da espécie, como chuvas abundantes formando pontos de água parada e temperatura adequada (entre 30ºc e 32ºc).

Dito isso, podemos pressupor que para prevenir a transmissão do vírus da dengue e suas variações, é fundamental dificultar ao máximo as formas de reprodução do mosquito.

E a melhor forma é evitar locais onde o mosquito pode depositar seus ovos, para isso as ações que devemos tomar são:

  • Virar garrafas com a boca para baixo;
  • Colocar terra nos pratos das plantas;
  • Guardar pneus abrigados da chuva, pois são o ambiente perfeito para o desenvolvimento de mosquitos;
  • Cobrir sempre a caixa d’água;
  • Manter o quintal sem poça de água parada;
  • Cobrir as piscinas;
  • Não deixar entulhos no quintal;
  • Solicitar a limpeza de terrenos baldios na prefeitura do município;
  • Limpar regularmente calhas etc.

Dificultando ao máximo a reprodução do mosquito, sua população se torna mais escassa, contribuindo para a menor transmissão da dengue.

Você suspeita estar com dengue? Aqui no BoaConsulta você encontra os melhores médicos infectologistas e clínicos geais para diagnóstico e tratamento de dengue! Agende sua consulta online pelo site ou aplicativo.

Histórias recentes

Postagens similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.