Na imagem, uma mulher vestida de branco com feição incomodada está com a mão na barriga.

O que é a doença de Crohn? Entenda agora!

Uma condição clínica sem causa definida, sem cura, que afeta o sistema digestivo e gera sintomas muito desgastantes: essa é uma boa definição de o que é doença de Crohn, uma patologia com incidência crescente no Brasil e no mundo.

Essa doença é uma inflamação que afeta principalmente o íleo — porção final do intestino delgado — e o cólon do intestino grosso, mas que pode acontecer em todo o sistema digestivo, desde a boca até o ânus, e até em outras partes do corpo, como na pele e nos olhos.

Quer descobrir mais sobre ela? Então continue conosco! Neste artigo, separamos os principais pontos sobre a doença de Crohn, incluindo sintomas e tratamentos. Vamos lá?

O que é doença de Crohn?

Trata-se de uma patologia inflamatória crônica que acomete o sistema digestivo e faz parte das doenças inflamatórias intestinais (DII). Mais frequente em pessoas fumantes, a doença de Crohn costuma surgir na faixa etária dos 20 aos 30 anos, mas pode manifestar-se em qualquer fase da vida.

Quais são as fases da doença?

A doença de Crohn pode ser dividida em duas fases. São elas:

  • fase aguda — também chamada de fase ativa ou crise de Crohn. Essa fase é quando a doença está desencadeando a inflamação e os sintomas. É nela que as pessoas que sofrem com esse problema descobrem a sua existência. Em alguns casos, a fase aguda surge muito de repente, de um dia para outro, já em outros, a progressão da crise é mais lenta e pode durar alguns dias até aparecer;
  • fase de remissão — definida como o período em que a doença não está ativa. 95% dos pacientes com doença de Crohn não apresentam sintomas durante essa fase. Entretanto, é importante destacar que, na remissão, é preciso tomar cuidado com os gatilhos desencadeadores de crises, especialmente a alimentação e o estresse.

Quais são os seus sintomas?

Os principais sintomas de Crohn incluem:

  • desconforto e dores abdominais;
  • diarreias frequentes;
  • flatulência;
  • vômitos;
  • febre baixa;
  • sangue nas fezes;
  • perda de apetite;
  • anemia;
  • emagrecimento rápido.

Qual é o tratamento?

Após o diagnóstico, que costuma ser feito por meio de colonoscopia, endoscopia ou biópsia, é preciso começar a tratar. Como a doença de Crohn não tem cura, o tratamento tem o objetivo de manter a pessoa em remissão, sem sintomas e, assim, melhorar a sua qualidade vida.

Diversos fatores influenciam no tratamento, especialmente a região ou o órgão afetado e a fase da doença (ativa ou remissão). Para controlar a inflamação e, consequentemente, os sintomas da crise, o uso de medicamentos anti-inflamatórios, como corticoides e imunossupressores, é o mais indicado para a remissão da doença.

No entanto, após atingir essa fase, o paciente precisa fazer um rígido controle da alimentação — tudo para evitar que as crises voltem. Cortar alimentos muito gordurosos, cafeína, fibras e bebidas alcoólicas é indispensável, pois esses são os principais gatilhos para a fase ativa.

Em alguns casos, há a necessidade de encaminhar o paciente para cirurgia, visto que a doença pode provocar aderências e bloqueios intestinais, os quais somente podem ser corrigidos por meio de técnica cirúrgica.

E aí, gostou de descobrir o que é doença de Crohn, seus sintomas e tratamento? Se você está desconfiado que sofre com essa patologia, não deixe de procurar um médico para controlar as crises! Assim, é possível preservar a sua saúde e ter qualidade de vida!

Agora, que tal receber conteúdos sobre saúde e bem-estar tão bons quanto esse diretamente no seu e-mail? Assine nossa newsletter e aproveite!

Histórias recentes

Postagens similares

3 Comments

  1. Importante e bem didático a explicativa sobre a doença de “Crohn”, assim, as pessoas podem rever seus hábitos alimentares, o que irá proporcionar qualidade de vida longe de possíveis complicações à saúde.

  2. Como saber que tenho esta doença se tudo que como, eu vou ao banheiro e tenho uma diarréia que parece não ter fim, é minha hemorróida sangra mto? É a dor é mto desconfortável da hemorróida que sai pra fora? O que posso fazer?

  3. Equipe Boa Consulta disse:

    Olá! Vera.
    Inicialmente recomendamos que procure um médico clínico geral, assim será possível avaliar qual o seu caso e sendo necessário, o médico direcionará você para o especialista correto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.