Homem colocando placa de bruxismo.

Placa de bruxismo: o que é, como funciona, quando deve ser usada e quais os cuidados?

Dor no pescoço e de cabeça, dificuldade para abrir a boca ao acordar e desgaste dentário que afeta a estética do sorriso. Esses são apenas alguns dos sintomas mais comuns do bruxismo, uma situação caracterizada pelo ato inconsciente de ranger ou apertar os dentes, principalmente à noite.

Apesar de não ter cura, existem diversas maneiras de aliviar os efeitos do problema. Uma das mais comuns, que é recomendada pelo dentista, é a placa de bruxismo. Esse acessório é feito de acrílico e é ideal para quem sofre com o distúrbio, pois alivia os principais sinais da doença.

Ficou interessado? Quer saber quando a placa de bruxismo deve ser utilizada e como ela funciona? Então, continue a leitura!

O que é o bruxismo e quais são os seus sintomas?

O bruxismo é caracterizado pelo ato inconsciente e involuntário de apertar os dentes, principalmente no período noturno. Essa disfunção pode ser causada pelo fechamento incorreto da boca, por problemas psicológicos e por fatores congênitos.

Mulher dormindo com sintomas de bruxismo.
Bruxismo é o ato de bater, ranger e esfregar os dentes enquanto dorme ou acordado involuntariamente.

Quem sofre com o problema pode ter a qualidade de vida prejudicada, já que o bruxismo manifesta vários sinais que são percebidos no dia seguinte. Os principais deles são:

  • dificuldade ou dor para mastigar;
  • dificuldade para movimentar a boca;
  • dor na mandíbula;
  • dor nos ombros, no pescoço ou na cabeça.

Esses sintomas também causam alterações no humor e dificuldade de concentração. Em casos mais graves, quando a pessoa exerce uma força muito grande nos dentes, também é possível perceber sangramentos na gengiva. Isso acontece porque os tecidos que sustentam a arcada dentária recebem essa carga de esforço, sendo danificados.

Caso o paciente não trate o bruxismo corretamente com o uso da placa, o problema resulta em dentes desgastados e soltos, além do comprometimento da parte estética do sorriso.

Como funciona a placa de bruxismo?

A placa de bruxismo é um instrumento confeccionado sob medida para cada paciente. O objetivo principal é promover uma proteção na arcada dentária, evitando o contato entre os dentes. Esse dispositivo rígido e móvel é feito de acrílico, e o dentista consegue encaixá-lo na boca.

Existem também algumas opções que são macias: as placas confeccionadas de silicone. No entanto, são indicadas para apenas alguns casos, pois o material pode ser perfurado caso a pessoa faça uma força maior no momento de apertar ou ranger os dentes.

Mulher com placa de bruxismo na mão.
A placa de bruxismo é utilizada para proteger os dentes do desgaste e inibir os sintomas.

O uso dessa placa pode ser diurno ou noturno, dependendo do caso do paciente e das características do bruxismo. Isso porque algumas pessoas sofrem com o problema durante o dia, enquanto outras apresentam movimentos involuntários à noite.

Com o uso constante desse instrumento, não ocorre o contato entre as arcadas dentárias e, com isso, os dentes não sofrem atrito e não se desgastam. Além disso, o dispositivo inibe os movimentos involuntários, o que ajuda a evitar os sintomas e também previne problemas na articulação temporomandibular.

Quando a placa de bruxismo deve ser usada?

A placa de bruxismo é confeccionada de acordo com a orientação do dentista, pois ela serve exclusivamente para as pessoas diagnosticadas com o problema.

Ainda que o bruxismo seja leve ou se manifeste apenas alguns dias, é essencial que o paciente utilize essa placa. Em alguns casos, a disfunção não provoca danos na superfície da arcada dentária e, por isso, é difícil diagnosticá-la. Em outros, ela se manifesta durante um tempo e, depois, ameniza.

Se você se enquadra na segunda opção, saiba que isso ocorre porque o apertar ou o ranger dos dentes está relacionado com a saúde emocional. Logo, quando o indivíduo vive uma situação estressante, sobrecarregada, preocupada ou com muita ansiedade, o bruxismo pode se manifestar e, quando volta a ficar tranquilo, o problema vai embora.

Por isso é tão importante consultar um dentista para que ele defina a melhor opção de tratamento e o tipo de placa ideal para o seu caso.

Como higienizar a placa de bruxismo?

Quem tem bruxismo e precisa usar a placa deve ter um muito cuidado com a higiene bucal, mantendo o uso do fio dental e da escova de dente diariamente.

Além disso, é essencial higienizar o dispositivo de modo correto, escovando o item com creme dental e uma escova macia, para eliminar os resíduos e proteger o material da ação da saliva.

Ilustração limpeza de placa de bruxismo e higiene bucal.
Quem utiliza a placa precisa redobrar os cuidados de higiene bucal e com o dispositivo.

Depois de lavar e secar, é importante guardar a placa em um estojo específico, que a armazenará enquanto ela não estiver sendo usada. Isso evita que o item fique em contato com sujeiras, que deixam o material manchado ou amarelado, o que reduz a eficiência e a durabilidade na arcada dentária.

Qual é a duração da placa de bruxismo?

Essa é uma dúvida muito comum entre as pessoas que usam a placa de bruxismo, mas é difícil afirmar exatamente qual é a durabilidade do acessório, já que o tempo útil depende de vários fatores, como:

  • gravidade da disfunção;
  • número de dentes em contato com a placa;
  • tipo de material usado na confecção;
  • espessura do material.

No entanto, de modo geral, a duração média é de 6 meses. Caso a pessoa seja bem cuidadosa, o tempo de durabilidade pode chegar a um ano.

Quais são os prós e contras da placa de bruxismo?

O uso da placa de bruxismo é parte fundamental do tratamento. No entanto, a remoção incorreta do dispositivo, o incômodo causado pelo ranger dos dentes ou o tamanho inadequado do equipamento podem dificultar a sua utilização.

Confira, a seguir, os prós de utilizar a placa de bruxismo:

  • Melhora a qualidade do sono;
  • Diminui a atividade muscular de apertamento;
  • Previne fraturas e desgastes dentários;
  • Diminui os sintomas dolorosos, como dor no torcicolo, no pescoço e na cabeça.

A placa de bruxismo oferece muitas vantagens e alívio para o paciente. Por isso, é muito recomendada para quem sofre com o problema. Ainda assim, é preciso conhecer alguns dos problemas que podem ser encontrados com o seu uso:

  • desajuste oclusal (mordida);
  • apneia obstrutiva do sono;
  • design inapropriado da placa de bruxismo.

Agora que já sabe quando a placa de bruxismo deve ser utilizada, lembre-se de que é fundamental consultar um dentista especializado quando há suspeita do problema. O profissional poderá analisar o seu caso e as características do distúrbio, indicando o melhor tratamento para você.

Procurando por um dentista? Aqui no BoaConsulta você encontra os melhores médicos dentistas, agende sua consulta online, pelo site ou aplicativo.

Histórias recentes

Postagens similares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.