Uma cirurgia plástica envolve alguns cuidados específicos, não é mesmo? Afinal, esse procedimento vai interferir diretamente na aparência e na autoestima da pessoa.

Então, seja para fazer uma abdominoplastia, seja para implantar próteses de silicone ou fazer um lifting facial, é fundamental que, logo na primeira consulta com seu cirurgião plástico, você tire todas as suas dúvidas.

O pré-operatório é a fase em que o médico avalia seu caso e responde às suas perguntas. Assim, você passa a entender melhor todas as etapas que vão acontecer a partir da primeira fase até o momento da cirurgia. Tudo isso com base em uma relação de confiança, respeito e sinceridade com o cirurgião.

É interessante que, antes mesmo de chegar ao consultório, você elabore uma lista com suas principais dúvidas sobre a cirurgia plástica. Desse modo, você garante que não vai se esquecer de nenhum item por causa de nervosismo ou ansiedade.

Para ajudar você, preparamos uma lista com as dúvidas mais frequentes e relevantes sobre cirurgia plástica. Então continue com a gente e boa leitura.

Onde o médico atenderá para realizar a cirurgia plástica?

Saber onde a sua cirurgia plástica vai ser realizada é uma das principais perguntas a ser feita. Afinal, lembre-se de que o procedimento estético é uma cirurgia e requer todos os cuidados necessários.

Por isso, uma cirurgia plástica sempre deve ser feita em hospitais ou clínicas estruturadas, que contem com UTI, tecnologias e equipes multiprofissionais disponíveis para o atendimento. Assim, você pode ficar tranquilo.

Informe-se sobre os hospitais em que seu médico é credenciado e faça pesquisas para ver qual deles é o mais adequado para a sua internação, comparando as vantagens e os preços. Você pode, inclusive, visitar os estabelecimentos para visualizar como é a rotina de atendimentos na prática. Desse modo, você terá a garantia de que o local apresenta a qualidade necessária.

Caso o cirurgião diga que a melhor opção é realizar o procedimento em sua clínica, você deve ter certeza de que a clínica tem todos os equipamentos e profissionais necessários para garantir a sua segurança. Caso você não se sinta seguro após apurar tudo isso, o melhor é procurar uma segunda opinião médica, ok?

Quais são os riscos da cirurgia plástica?

Toda cirurgia pode apresentar riscos. Na primeira consulta com o cirurgião plástico, é importante você entender esses riscos para que uma análise completa dos prós e contras do procedimento possa ser feita.

Nesse momento, você também vai perceber se o médico e sua equipe profissional estão preparados para realizar a parte técnica com toda a segurança e os cuidados necessários. Entre as medidas que podem ser aplicadas para minimizar quaisquer complicações, estão:

  • Seguir à risca as recomendações do profissional para o pré e o pós-operatório;
  • Realizar exames clínicos completos para averiguar se você tem condições adequadas de saúde para a operação.

Um dos exames que devem ser feitos é o hemograma. Por meio dele, é possível verificar a presença de anemias, infecções, disfunções plaquetárias e outras condições anormais.

Exames de imagem na região em que será feita a cirurgia também são fundamentais. Se estiver tudo certo, dificilmente alguma ocorrência afetará a sua cirurgia plástica. Então lembre-se de fazer essa pergunta!

Estou apto para fazer a cirurgia?

Outra dúvida essencial é essa, e somente um cirurgião plástico saberá se você estará apto para a cirurgia. Por meio de um check up físico, laboratorial e radiológico, ele constatará suas condições.

Além disso, um bom cirurgião conversa com você a respeito dos motivos que levaram à decisão de realizar uma cirurgia plástica. É preciso ajustar suas expectativas com relação aos resultados para garantir que não estejam além da realidade. Ou seja, o fator psicológico também é considerado para a qualificação.

Que cuidados devo tomar antes de fazer a cirurgia plástica?

O preparo para a cirurgia com certeza deve ser levado em consideração. Por isso, pergunte ao seu médico o que você deve fazer e siga todas as orientações. Nesse período, a alimentação deve ser equilibrada e saudável para fornecer ao corpo os nutrientes necessários para se preparar para a cirurgia e a fase de recuperação.

A prática de exercícios físicos também é muito importante na preparação para a plástica. Assim, é possível melhorar as suas condições físicas e deixar o seu corpo mais forte para a cirurgia.

Outro cuidado necessário inclui o uso de medicamentos. Comprimidos com ácido acetilsalicílico, gingko biloba e vitamina E, por exemplo, não podem ser utilizados no período preparatório para a cirurgia. As pílulas anticoncepcionais também devem ser interrompidas, preferencialmente, um mês antes da operação.

Para os fumantes, o hábito de fumar deve ser suspenso de um a dois meses antes de realizar o procedimento. O consumo de bebidas alcoólicas também é desaconselhado durante o pré-operatório.

Como será a fase após a cirurgia?

A fase de recuperação também é crucial para conquistar resultados positivos. Verifique com o seu médico quais serão as necessidades no pós-operatório. Aqui vão algumas delas:

  • Quantidade de dias de repouso;
  • Uso de compressas;
  • Necessidade de drenagem linfática;
  • Uso de medicamentos analgésicos, anti-inflamatórios ou antibióticos;
  • Cuidados com a higienização na região operada;
  • Alimentação específica.

Outro ponto importante que você deve perguntar ao médico é a respeito dos sintomas após a cirurgia plástica. É comum sentir dores ou apresentar inchaços ou hematomas por um certo tempo.

No entanto, quando esses sintomas forem intensos ou diferentes do que é esperado, como ter falta de ar ou batimentos cardíacos acelerados, é preciso procurar seu médico, ok?

Quando preciso voltar ao consultório depois da cirurgia?

Logo após a cirurgia, algumas visitas ao consultório serão indispensáveis. Nelas, o profissional observará a evolução das cicatrizes e também fará a retirada dos pontos. Com o passar do tempo, o resultado definitivo é estabelecido e as consultas passam a ficar mais espaçadas.

Contudo, é importante que o profissional garanta que o contato entre médico e paciente não pode ser perdido, pois todas as fases do processo de recuperação devem ter o acompanhamento do cirurgião responsável.

As cicatrizes da cirurgia plástica ficam muito aparentes?

Toda cirurgia plástica costuma deixar algum tipo de cicatriz. Porém, dependendo do procedimento ou da técnica que o cirurgião utilizar, essa cicatriz pode ficar mais ou menos aparente.

Os profissionais costumam utilizar alguns métodos que camuflam as cicatrizes. Em plásticas no rosto, por exemplo, as cicatrizes podem ficar escondidas embaixo dos cabelos ou em regiões pouco perceptíveis aos olhos das outras pessoas.

Então, verifique com seu cirurgião a possibilidade de tornar a cicatriz o menos evidente possível.

Qual é o tempo de recuperação?

Cada paciente se recupera em seu tempo, mas existe uma média de prazo dependendo da intervenção cirúrgica realizada, por exemplo:

  • A prótese de silicone permite que o paciente retorne para casa no mesmo dia, mas, para voltar às atividades diárias, é preciso esperar uma semana;
  • No lifting facial, a recuperação se dá em etapas. Nos primeiros dias, o rosto apresentará inchaço e alguns hematomas. Com cinco ou sete dias, os pontos são retirados e, com duas semanas, pode-se retornar à vida normal;
  • A plástica de pálpebras deixa a região inchada e com aspecto de hematoma por alguns dias, mas começa a melhorar assim que os pontos são retirados, no quinto dia. Sair à rua só se você estiver usando óculos escuros para proteger os olhos. Eventos sociais são recomendados depois de três semanas;
  • Já a rinoplastia requer repouso absoluto por sete dias, e moderado até o 15º dia. Aos poucos, é possível retornar às atividades de escola e trabalho, mas sem esforço físico, que é indicado somente depois de dois a três meses.

Quanto gastarei na cirurgia?

Essa pergunta é importante, pois os valores de uma cirurgia variam, já que cada médico cobra o que considera ideal pelo seu conhecimento e experiência. Porém, além do médico, ainda há o custo do hospital, do anestesista, auxiliar cirúrgico, instrumentadores e enfermeiros. O valor do hospital também não é fixo.

Verifique todos os detalhes para que nada fuja do seu controle orçamentário. Também saiba as formas de pagamento, se serão à vista ou parceladas no cartão.

Quais as credenciais do médico?

Você sabia que a qualificação de um cirurgião plástico no Brasil engloba seis anos de faculdade, mais dois ou três anos de cirurgia geral e outros três de cirurgia plástica? Muitos profissionais ainda continuam os estudos fazendo mestrado e depois doutorado, além de frequentarem congressos oficiais da especialidade.

Para ter certeza de que o médico atende aos critérios necessários para exercer a profissão, consulte seu nome na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP). Para ser membro dessa entidade, os profissionais fazem uma prova testando o seu conhecimento.

Como encontrar um bom cirurgião plástico?

Raramente a cirurgia plástica é emergencial, não é mesmo? Por isso, não tenha pressa, faça uma boa pesquisa quanto ao médico escolhido, as opções de procedimento e o local onde a cirurgia será realizada. Depois, comece a planejar. Esteja atento a estas questões:

  • Verifique se o médico é credenciado na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, como mencionamos;
  • Garanta que ele tem registro no Conselho Regional de Medicina da região onde trabalha;
  • Agende uma consulta para conhecê-lo e tirar as dúvidas sobre o procedimento que quer fazer;
  • Desconfie dos valores muito abaixo do mercado;
  • Pergunte se a cirurgia plástica será no hospital ou na clínica, e se tem o alvará da prefeitura. Peça para ver a licença sanitária.

Uma cirurgia plástica consegue transformar a autoestima de uma pessoa. Para que todas as etapas ocorram da melhor maneira possível, os cuidados com esse procedimento devem iniciar desde a primeira consulta com o cirurgião plástico. Assim, não deixe de tirar todas as suas dúvidas para garantir sua segurança antes, durante e após o procedimento!

E quer encontrar mais informações para cuidar melhor da sua saúde? Assine nossa newsletter e esteja sempre bem informado.

Escreva um comentário

Share This