Em nossa sociedade atual, os transtornos psicológicos — tais como depressão e ansiedade — estão se tornando cada vez mais comuns em jovens e adultos. Isso faz com que seja extremamente importante ficar atento aos sintomas de depressão para que seja possível fazer um diagnóstico e iniciar um tratamento, caso seja necessário.

Um dos grandes obstáculos que impedem o tratamento da depressão é que o paciente se sente envergonhado pela condição ou tenta convencer a si mesmo de que aquilo não é nada. No entanto, é importante ter em mente que, o quanto antes for feito o diagnóstico, menor será o tempo até que você se veja livre desse problema.

Quer saber quais são os principais sintomas da depressão?

Alterações constantes de humor

Um excelente indicativo de que alguma coisa no seu corpo não vai bem é quando o seu humor se altera muito facilmente, ou seja, qualquer coisa que aconteça no seu dia é capaz de deixá-lo triste, ansioso e irritado.

Isso acontece porque a pessoa depressiva fica muito sensível. Desta forma, as dificuldades normais do dia-dia, se tornam muito mais pesadas e difícies de resolver.

Distúrbios do sono

Os distúrbios do sono estão relacionados à dificuldade de relaxar a mente para pegar no sono. A dificuldade na hora de dormir e o despertar em várias vezes durante a noite são ocorrências bastante comuns da ansiedade, que, muitas vezes, pode estar aliada à depressão. Dormir bem é fundalmente para uma saúde mental e física.

Os disturbios do sono nem sempre estão ligados a fatores psicólogicos, um dos fatores mais comuns apneia, nestes casos é recomendavél procurar um otorrinolaringologista.

Sensação constante de falta de energia

Tanto a falta de energia para realizar tarefas básicas cotidianas (como alimentar-se, tomar banho, trabalhar, arrumar a casa etc.) quanto a falta de interesse em executar atividades que costumavam ser prazerosas para você (sair com os amigos, ler, arrumar-se, fazer exercícios, cozinhar ou qualquer outra atividade de lazer) são características da depressão.

Esses sintomas podem ser leves ou fortes — sendo leves, geralmente, a indisposição e o desinteresse em fazer algumas atividades, e fortes a dificuldade e procrastinação em levantar da cama para realizar necessidades básicas, como se alimentar e tomar banho.

Mudança nos hábitos alimentares

As mudanças de hábitos alimentares vão desde uma excessiva vontade de comer até a falta de apetite, pois a pessoa pode perder o interesse na comida ou sentir-se sem forças para levantar da cama e preparar algo. Sendo assim, é comum que quem sofre de depressão venha a engordar ou perder peso rapidamente e de forma muito perceptível.

Agora que você já sabe como identificar os sintomas de depressão, avalie, você mesmo, a sua situação. Ao identificar alguns dos sintomas, é recomendável que você procure ajuda de um psicólogo para orientá-lo a fazer um tratamento. Caso você não sofra da condição, ao menos, poderá investigar o que está causando os sintomas e receber orientações de um terapeuta para que alcance o bem-estar e mantenha sua saúde em dia.

Gostou do artigo e deseja ficar por dentro de mais assuntos como esse? Então, siga-nos nas redes sociais: Facebook, LinkedIn, Twitter e Instagram.

 


Escreva um comentário

Share This